quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Arlete Salles fazendo compras pelo Leblon

A atriz Arlete Salles foi vista nesta terça-feira (27) fazendo compras em uma loja no Leblon, zona sul do Rio de Janeiro.

Arlete circulou sorridente e carregada de sacolas pelo bairro carioca.




Fonte: Terra

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

A equipe do Fã Clube Oficial Arlete Salles agradece a todos vocês que ao longo desse ano nos mostrou grande carinho e admiração, com mais de 3.000 visitas. Com certeza esse ano foi de muito sucesso à todos nós e esperamos que ano que vem seja melhor ainda!!!
Em nome de Arlete Salles desejamos à vocês um feliz Natal e um excelente ano novo.









quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Susana Vieira fala sobre A Partilha

Susana Vieira esteve no Domingão para lançar seu primeiro CD. A atriz está comemorando 50 anos de carreira e se lembrou de momentos importantes dessa história de sucesso. Em fotos de arquivo pessoal, a atriz contou histórias com Hebe Camargo e alguns lugares do mundo onde visitou.

 Susana comentou sobre o grande sucesso da peça de Miguel Falabella, "A Partilha”, que encenou ao lado de Natália do Vale e Arlete Salles, que segundo ela foi um trabalho que transformou e proporcionou mais qualidade de vida para os atores.



À partir de 10:10

Fonte: Domingão do Faustão

Enterro da atriz Lupe Gigliotti

Foi enterrado nesta segunda no Rio o corpo da atriz Lupe Gigliotti, irmã do humorista Chico Anysio. Ela morreu no domingo, aos 83 anos, depois de lutar dois anos contra um câncer no pulmão.
 
A despedida da atriz foi no cemitério São João Batista, em Botafogo, Zona Sul do Rio. Maria Lupicínia Vianna de Paula era de Maranguape, no Ceará. Se formou em Direito e só virou artista aos 40 anos, na escola do Teatro Tablado, no Rio. Começou a fazer teatro, televisão e cinema na década de 70 e nunca mais parou de encantar o público.



“Uma bela pessoa. Lupe, que você encontre a beleza lá no céu também, você merece”
, desejou a atriz Arlete Salles.

Fonte: JN

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Revista Manchete (1985)

Créditos: Mada

Relembre "O Rebu"

Autoria: Bráulio Pedroso
Supervisão: Daniel Filho
Direção: Walter Avancini e Jardel Mello
Período de exibição: 04/11/1974 – 11/04/1975
Horário: 22h00
Nº de capítulos: 112

O Rebu representou uma ousada tentativa de inovação na teledramaturgia brasileira. Em sua mansão no Alto da Boa Vista, no Rio de Janeiro, o banqueiro Conrad Mahler (Ziembinski) organiza uma festa para recepcionar a princesa italiana Olympia Buoncompagni (Marília Branco). Ao amanhecer, os convidados descobrem um cadáver na piscina da mansão, e forma-se então o cenário perfeito para uma história policial.

A grande surpresa estava na estrutura narrativa da novela: todos os seus 112 capítulos transcorriam durante 24 horas, em sequência não-cronológica: a noite da festa e o dia seguinte, com a investigação policial. A ação se dividia entre as investigações da polícia e os acontecimentos ocorridos durante a festa, sobre os quais o telespectador era informado através das cenas em flashback dos personagens. Qualquer um dos 24 convidados e outras pessoas que estiveram na mansão durante a festa eram suspeitos.

Arlete Salles, que fez o papel de Lídia, a esposa do milionário Braga (José Lewgoy), lembra que a inovadora estrutura da narrativa de O Rebu exigia dos atores um esforço extra para ajudar a manter a continuidade da novela. Se uma cena era gravada do lado esquerdo do cenário e a seguinte seria feita no lado direito, os atores da primeira cena tinham que se posicionar como figurantes da próxima. Além disso, precisavam passar meses com o mesmo figurino.









Fontes: Memória da TV e Retrô

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Entrevista - ESTV

Quatro atrizes e muita história pra contar. É a peça "Amores, perdas e meus vestidos".
Para assistir a entrevista clique AQUI.




Veja também: BASTIDORES 06

Entrevista - ESTV

Quatro atrizes e muita história pra contar. É a peça "Amores, perdas e meus vestidos".
Para assistir a entrevista clique AQUI.


BASTIDORES 06

Foto: “Amores, Perdas e meus Vestidos” em Pelotas

TWITTER @missferraz:

Pérolas da coxia: Diz o contra regra "por traz de todo homem pobre,há sempre um homem rico e feliz!"


Tudo o que eu gosto é ilegal,é imoral ou engorda,e agora o que é que eu faço,amigo meu?Arlete Salles/ @meusvestidos /Roberto Carlos #Feelings

Arlete Salles vira motivo de briga entre diretores da Globo

E a disputa por atores e atrizes chegou ao ápice na Globo, já afetando as tramas do segundo semestre do ano que vem.

Arlette Salles, que estava reservada para ser uma das protagonistas da próxima novela de Miguel Falabella, foi recrutada pelo diretor Wolf Maya para participar da novela das oito de Aguinaldo Silva. Como a atriz é um dos fetiches de Falabella, o clima na emissora azedou.

Fonte: Terra

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Arlete Salles, Ivone Hoffman e Carolina Ferraz no Jornal do Almoço



As atrizes falaram sobre "Amores, Perdas e Meus Vestidos", assista a entrevista no vídeo abaixo a partir de 8:15.



Arlete Salles no Jornal do Almoço Pelotas

O JA desta sexta-feira (3) recebeu convidadas ilustres!Assista a entrevista no vídeo abaixo a partir de 8:15.

sábado, 4 de dezembro de 2010

Amores, Perdas e Meus Vestidos em Caxias do Sul

Você é ou conhece aquele tipo de mulher que se deixa levar por roupas ou acessórios? Inspirada nas situações vividas pelo sexo frágil, a peça Amores, Perdas e Meus Vestidos utiliza as roupas como uma forma de ativar lembranças e despertar histórias interessantes, engraçadas e até irônicas.

Vencedor do prêmio Drama Desk Award 2010 de Melhor Experiência Única Teatral em maio deste ano, em Nova York, o espetáculo será encenado pelas atrizes Arlete Salles, Carolina Ferraz, Taís Araújo e Ivone Hoffmann.

A única apresentação ocorre no UCS Teatro nesta segunda, 6 de dezembro, às 20h. Os ingressos antecipados custam R$ 60,00, na hora você paga R$ 80,00. Para estudantes, professores da UCS e sênior, a entrada custa R$ 40,00. Quer saber mais sobre o espetáculo? Então clique aqui ou siga-o no Twitter.

QUANDO? 6 de dezembro, às 20h
ONDE? UCS Teatro (Francisco Getúlio Vargas, 1130)
QUANTO? R$ 40,00, R$60,00 e R$80,00

Fonte: HOJ

Amores, Perdas e Meus Vestidos em Caxias do Sul

Você é ou conhece aquele tipo de mulher que se deixa levar por roupas ou acessórios? Inspirada nas situações vividas pelo sexo frágil, a peça Amores, Perdas e Meus Vestidos utiliza as roupas como uma forma de ativar lembranças e despertar histórias interessantes, engraçadas e até irônicas.

Vencedor do prêmio Drama Desk Award 2010 de Melhor Experiência Única Teatral em maio deste ano, em Nova York, o espetáculo será encenado pelas atrizes Arlete Salles, Carolina Ferraz, Taís Araújo e Ivone Hoffmann.

A única apresentação ocorre no UCS Teatro nesta segunda, 6 de dezembro, às 20h. Os ingressos antecipados custam R$ 60,00, na hora você paga R$ 80,00. Para estudantes, professores da UCS e sênior, a entrada custa R$ 40,00. Quer saber mais sobre o espetáculo? Então clique aqui ou siga-o no Twitter.

QUANDO? 6 de dezembro, às 20h
ONDE? UCS Teatro (Francisco Getúlio Vargas, 1130)
QUANTO? R$ 40,00, R$60,00 e R$80,00

Fonte: HOJ

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Amores, Perdas e Meus Vestidos em Pelotas

Peça: Amores, Perdas e meus Vestidos
Quando: 03 e 04 de dezembro (sexta e sábado)
Onde: Theatro Guarany (Pelotas) - 21h
Quanto: R$ 60,00
Antecipados : A venda na Mania de Usar, Andrade Neves 2023

Amores, Perdas e Meus Vestidos em Pelotas

Peça: Amores, Perdas e meus Vestidos
Quando: 03 e 04 de dezembro (sexta e sábado)
Onde: Theatro Guarany (Pelotas) - 21h
Quanto: R$ 60,00
Antecipados : A venda na Mania de Usar, Andrade Neves 2023

Revista Amiga (1975)

Arlete Salles fala sobre Myrian Serpa, sua personagem na novela "Bravo!".
OBS: clique na imagem para amplia-lá para ler a entrevista.


Créditos: Memória da TV

SDB - "Baixaria Na Alta Costura"

 Baixaria na Alta Costura
Atriz Convidada: Arlete Salles (Gigi Marcondes).
Gravação:
21 de Abril de 1998

Cassandra (Aracy Balabanian) recebe a visita de uma amiga de infância, Gigi Marcondes, uma nova rica, que chega ao Arouche para conhecer a coleção de dois costureiros famosos: Gianni Vavace e Ribamér Fecheclér.
Aproveitando o talento de Cassandra na máquina de costura, Vavá (Luiz Gustavo) inaugura a Vavámodas, que tem como top model a empregada, Neide Aparecida (Márcia Cabrita). O projeto é modesto, até que Caco (Miguel Falabella) aceita atuar como assessor de marketing, propondo uma mudança radical. Caco mata Vavá e faz nascer, no seu lugar, o único e inigualável costureiro, Gianni Vavace - uma nova versão de Vavá, usando rabo-de-cavalo e roupa chique. Porém, um belo dia, Caco briga com Cassandra e é obrigado a sair dos negócios. Para compensar, une-se a Magda (Marisa Orth), aproveitando os vestidos que ela desenha para suas bonecas, e faz um outro lançamento, o do porteiro Ribamar (Tom Cavalcante) como um costureiro espalhafatoso, Ribamér Fecheclér.
Assim, quando Gigi vem assistir a um desfile de modas no Largo do Arouche se surpreende com a concorrência dos dois estilistas. E põe mais fogo na fogueira, oferecendo para a melhor coleção o equivalente a 100 mil dólares.

ASSISTA:








Créditos: Fotolog Toma Lá Dá Cá