terça-feira, 10 de maio de 2011

Entrevista - Site Terra - 20/02/2008

"Eu sei o que é ser velho", diz Arlete Salles

Arlete Salles, 65 anos, interpreta em Polaróides Urbanas, de Miguel Falabella, uma atriz com Síndrome do Pânico que tem dificuldades em aceitar a idade. "A velhice traz enormes dificuldades e eu conheço isso de perto. Eu sei o que é ser velho", afirmou ela em entrevista ao Terra.

Para a atriz, ninguém aceita realmente com tranqüilidade a idade e, em sua profissão, ela vira uma limitação muito cedo. "Muito antes de serem velhos muitos atores já percebem a limitação por idade. A procura fica menor e isso vira uma preocupação", afirmou.

Segundo Arlete, a preocupação com a idade vem da falta de ter um futuro garantido financeiramente na dramaturgia brasileira. "Há o medo de não ter trabalho e conseqüentemente uma limitação material", disse.

Arlete contou ainda que ela e sua personagem têm uma grande diferença. "Eu sou feliz", frisou.

"A proximidade da idade é preocupante, mas isso não deve afetar a pessoa a ponto de torná-la infeliz", acrescentou.

Veja cenas de Arlete Salles em "Polaróides Urbanas" clicando aqui.